quarta-feira, 1 de abril de 2009

ORIGENS

Remover formatação da seleção


A grandiosa e luxuosa cidade de Turia está localizada no hemisfério sul de GOR, em meio as grandes pradarias que são conhecidas como as planícies de Turia. As tribos bárbaras dos Povos dos Vagões (Wagon People) também alegam estas pradarias como suas e as chamam de Terra dos Povos dos Vagões (Land of Wagon People). Turia é as vezes chamada de a “AR DO SUL”, pois sua grandeza é comparável ou superior à cidade de AR (No norte de GOR). É provável especular que a população de Turia esteja entre um e três milhões de pessoas. Existem poucas outras cidades mencionadas nos livros, principalmente do hemisfério sul de GOR, além das da região de Tahari, embora se note que os poucos UBARS que existem nestas regiões tem reinos minúsculos.

A cidade de Turia recebeu seu nome da árvore TUR. Com um tronco grande e avermelhado, as arvores TUR podem crescer a até duzentos metros ou mais, e lembram as Sequoias Gigantes da Terra. Em sua Copa vive a VINHA DE TUR, que se trata de uma arvore parasita. As árvores TUR têm folhas ovais, de cor vermelha e são comestíveis, podendo tornar-se ingrediente para vários pratos da cozinha GOREANA. Diz a lenda que o primeiro homem que vagou pelas planícies, tropeçou em uma árvore TUR perto de uma nascente. Como as planícies são grandes áreas sem vegetação, a presença da árvore TUR era algo incomum. Alguém devia ter plantado aquela árvore naquele local, intencionalmente, há muito tempo e haja vista que nunca foi derrubada. Então, algumas pessoas escolheram este lugar para iniciar uma cidade que viria a se tornar TURIA.

Turia está localizada a pelo menos mil pasangs (medida de extinção de GOR) da costa de Thassa e há poça água mais próxima do que na costa do Rio Cartius, exeto alguns riachos. Isso situa Turia em um local próximo ao meio das pradarias. A cidade em si possui grandes muros brancos e dispõe de nove portões, estas paredes são medidas defensivas para ajudar a refletir o sol diretamente para os olhos dos inimigos. Esta estratégia é semelhante a muitas cidades de GOR, tais como KO-RO-BA. Os portões principais são enormes, com portas duplas de madeira que exigem um grande mecanismo para serem abertas e fechadas corretamente. Poucos são os detalhes dos nove portões, se estão todos na muralha exterior ou se você deve passar por todos os nove ao entrar pela cidade.

A Pedra de Turia (Home Stone), que é o simbolo da Vida da Cidade, é Oval e nela é esculpida a letra inicial do nome da cidade, não sendo possível estimar sua idade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget